Introdução

Para quem adora a sensação de liberdade ao pilotar uma moto, estar atento às regras de trânsito é fundamental. Além de garantir a segurança, isso ajuda a evitar as “Multas de Moto Mais Caras no Brasil”. Neste guia, exploraremos as dez infrações mais caras para motociclistas no país.

Dirigir sem Capacete

Pilotar sem capacete é perigoso e ilegal. Além de arriscar a própria vida, o motociclista pode receber uma multa de R$ 293,47.

Exceder o Limite de Velocidade

A adrenalina de acelerar pode ser alta, mas o preço de uma multa por excesso de velocidade pode ser ainda maior. Dependendo da velocidade, a multa pode variar de R$ 130,16 a R$ 880,41.

Conduzir Moto sem CNH

Pilotar sem a devida habilitação é uma infração muito séria. Essa negligência pode custar ao motociclista uma multa de R$ 880,41.

Pilotar Embriagado

Beber e pilotar nunca combinam. Quem é pego pilotando sob influência de álcool pode receber uma multa de até R$ 2.934,70.

Transportar Passageiro sem Capacete

Garantir a segurança do passageiro é fundamental. Transportar um passageiro sem capacete pode gerar uma multa de R$ 293,47.

Realizar Manobras Perigosas

Fazer manobras arriscadas em vias públicas é uma infração grave. Dependendo da manobra, a multa pode chegar a R$ 293,47.

Transportar Crianças Menores de 7 Anos

Transportar crianças com menos de sete anos é proibido por lei. Violar essa regra pode resultar em uma multa de R$ 293,47.

Usar Celular ao Pilotar

Pilotar e usar o celular simultaneamente é perigoso e proibido. Fazer isso pode custar ao motociclista uma multa de R$ 293,47.

Pilotar com Farol Desligado Durante o Dia

Manter os faróis acesos mesmo durante o dia é obrigatório em rodovias. Pilotar com o farol desligado pode gerar uma multa de R$ 130,16.

Excesso de Passageiros

Carregar mais passageiros do que o permitido é uma infração séria. Essa infração pode custar ao motociclista uma multa de R$ 293,47.

Conclusão

A segurança e o respeito às leis de trânsito são indispensáveis para qualquer motociclista. As multas de moto mais caras no Brasil visam garantir a segurança no trânsito e evitar comportamentos perigosos. Conhecer essas infrações e seus respectivos valores ajuda os motociclistas a tomarem decisões mais conscientes e seguras.

Lembre-se, a melhor forma de evitar multas é respeitar as leis de trânsito e priorizar a segurança sempre.

Vídeo complementar

Gostou deste artigo? Temos muito mais para você! Confira nossa nova postagem sobre “As melhores marcas de relação” no nosso blog. Você não vai querer perder essa leitura!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar mensagem
Equipe de Vendas
Como nós podemos ajudar?